• Homem enfrente à táxi

Qual a Melhor Solução para Taxistas Receberem Pagamentos com Cartão?

Por Douglas Uggioni|2018-12-19T16:43:14+00:0019/12/2018|Tags: , , |

O seu dia a dia como taxista deve ser difícil de prever. Você não vai até um escritório onde senta em frente a um computador e realiza suas tarefas diárias. É também complicado saber exatamente de antemão quais rotas serão feitas ao longo do dia. Mas, uma coisa é certa: você terá que lidar com as diversas formas de pagamento usadas pelos seus passageiros.

De um modo geral, o seu passageiro gostaria de optar entre dinheiro ou cartão de crédito ou débito. E o fato é que muitos preferem o cartão, algo interessante também para você que dinheiro o deixa mais suscetível a fraudes ou assaltos. O que fazer se você ainda não aceita cartão? A resposta você encontra a seguir.

Pagamento em dinheiro pode não ser a melhor opção

É claro que o dinheiro não é algo dispensável. Afinal, se o cliente quiser pagar em dinheiro, você não vai recusar, certo? Porém, há alguns riscos atrelados ao recebimento das suas corridas em espécie. Dentre os principais, estão os seguintes:

  • Receber pagamento com notas falsas

  • Necessidade de ter troco, não só em notas, mas também em moedas

  • Maior dificuldade para gerenciar a sua receita diária

Além disso, se você trabalha em uma cidade grande, pode se deparar com passageiros que queiram pagar em moeda estrangeira – e como você vai saber se as notas são verdadeiras? Lembre-se também de que os taxistas de Vitória e de São Paulo já são obrigados a aceitar o pagamento com cartão de crédito ou débito e isso pode acabar chegando a outras cidades.

Resta então escolher a melhor máquina de cartão para o seu táxi. Para isso, há alguns pontos que você precisa levar em conta.

Fila de táxis engarrafados em rua de mão dupla de cidade grande

Taxistas podem receber pagamento com mais segurança com máquinas de cartão e aplicativos

Como escolher sua máquina de cartão

Agora que você já entendeu porque é importante contar com uma forma segura e prática de receber pagamento, vamos discutir como escolher uma máquina de cartão capaz de atender bem a você, taxista.

Você precisará levar os seguintes itens em consideração:

  • As taxas sobre vendas cobradas, especialmente para débito e crédito à vista, já que você deve fazer pouco parcelamento.

  • Obrigatoriedade do uso de celular para que a máquina funcione – isso pode ser inconveniente para você, pois terá que restabelecer a conexão Bluetooth a cada pagamento.

  • Bateria de longa duração, para que você não fique sem a máquina ao longo do dia.

  • Bandeiras aceitas, de acordo com o perfil do seu cliente.

  • Preço da máquina, o qual precisa estar dentro da sua realidade.

  • O tipo de conexão suportada pela máquina de cartão (GRPS, 3G ou Wi-Fi) – possivelmente, prefira uma com GPRS, a menos que a sua conexão 3G seja bastante confiável.

SumUp Super, Point Mini e Minizinha Chip em fundo amarelo

SumUp Super, Point Mini e Minizinha Chip são boas opções em máquina de cartão para taxistas

Considerando-se as questões acima, existem algumas boas opções no mercado. SumUp, por exemplo, é uma delas, pois a Super conta com chip próprio, tem ótimas taxas e vem com 3 anos de garantia.

A Point Mini também apresenta bons diferenciais para o seu táxi. Como seu nome já diz, ela é menor, mais leve e barata. No entanto, sua conexão é via 3G/4G ou Wi-Fi, e ela só aceita cartões de chip.

Agora, se ficar recarregando a sua maquininha é um problema para você, então a Minizinha Chip pode ser a solução, pois sua bateria tem autonomia de aproximadamente 10 horas. Além disso, ela aceita diversas bandeiras de cartões e tem tamanho e preço que cabem no seu bolso.

Vale ressaltar também que mesmo as maquininhas que não precisam de celular para funcionar contam com aplicativos gratuitos para acompanhamento de corridas.

Alternativa: aplicativos para taxistas

Aplicativos podem ser uma forma de gerenciar os ganhos diários para você controlar quanto recebeu por suas corridas, inclusive em tempo real. E muitos apps são gratuitos, enquanto outros cobram uma taxa sobre as corridas realizadas.

Dentre os aplicativos mais comuns usados está o 99Pop. Com ele, você pode aceitar corridas e receber pagamentos diretamente. O aplicativo conta com gerenciamento e informações bem detalhadas sobre as corridas, além de dados do cliente que solicitou o serviço. Mas esteja preparado para pagar entre 4,99% e 19,99% sobre o valor da corrida para ter acesso ao recurso.

Telas do aplicativo SP Táxi

Aplicativo SP Táxi foi lançado pela Prefeitura paulista

Outra opção é o OnTaxi, o qual oferece um taxímetro digital (para o controle da corrida pelo cliente) e também permite ajustar o preço da corrida de acordo com a demanda de mercado. Quem é de São Paulo pode também testar o Taxi SP, inspirado no carioca Táxi-Rio. Ainda em fase de implementação, esse aplicativo deve garantir prioridade em grandes eventos para os taxistas melhor avaliados pelos passageiros.

Por fim, outro grande conhecido é o Easy Taxi, o qual atua não só no Brasil, como em outros países e conta com um clube de vantagens para os seus taxistas.

Investir em uma máquina de cartão ou não?

Os diferenciais e a segurança de ter uma máquina para receber pagamentos em crédito ou débito são evidentes, tanto para o passageiro quanto para o taxista. A transação torna-se mais segura, mais rápida, e mais prática. E o procedimento para adquirir uma maquininha de cartão de crédito ou débito geralmente é simples, não exigindo grandes informações além dos seus dados pessoais.

Fique atento aos diferenciais e aos comparativos entre as máquinas disponíveis no mercado, e lembre-se de sempre verificar as análises específicas das máquinas para que sua decisão seja bem fundamentada. Aliadas com os aplicativos gratuitos no mercado são uma boa forma de gerenciar suas vendas, e ainda por cima aumentar os rendimentos mensais investindo pouco.