• Ilustração de homem em dúvida olhando para interrogação

Como pessoa física pode adquirir uma máquina de cartão

Por |2018-08-10T16:46:58+00:0024/07/2018|Tags: , , |

Pessoas físicas que querem adquirir uma máquina de cartão acabam passando por diversas dificuldades, seja por falta de documentação necessária na hora de comprovar a sua atividade, seja por falta de dinheiro para comprar ou alugar uma delas.

No entanto, hoje em dia, já é possível conseguir receber cartão de crédito e de débito mesmo sendo pessoa física, lançando mão de alguma das alternativas disponíveis no mercado, como as máquinas de cartão tradicionais, os leitores de cartão para celular e as maquininhas que saem de fábrica com chip próprio. Vamos discutir cada uma dessas opções aqui.

Contratando uma máquina de cartão tradicional

Muitos modelos de máquina de cartão tradicionais, aquelas que você está acostumado a ver em balcões de lojas, podem ser adquiridas por pessoa físicas. Você poderá fazer o seu cadastro online, e escolher a máquina e o plano sem sair da sua casa ou ambiente de trabalho em muitos casos.

Empresas como Cielo, Rede e Getnet oferecem cadastro sem burocracia, via CPF e documentação básica (ou nem isso) para quem ainda não tem empresa, mas precisa receber cartão. Essas soluções têm como vantagem o fato de receberem mais bandeiras e formas de pagamentos, além de serem confiáveis, terem mais funcionalidades e serem respeitadas no mercado.

Máquina Cielo sem fio

Máquina Cielo sem fio pode ser alugada por pessoa física

Geralmente, há cobrança de taxa de adesão ou de aluguel, as quais cobrem despesas de instalação, suporte e troca da máquina.

E, apesar dos benefícios, este custo fixo pode ser um problema para quem está começando e não tem um fluxo de caixa seguro.

Mas você pode analisar alternativas, entendendo melhor o Plano Cielo Livre, por exemplo, o qual não cobra mensalidade.

Quanto as taxas sobre vendas realizadas, estas costumam variar de acordo com o faturamento mensal e ramo de atividade – ou seja, você só vai saber as suas entrando em contato com um representante.

Ou você pode optar pelo Cielo Controle ou Rede Preço Único, e pagar uma taxa fixa mensal cobrindo estes e outros custos. Porém, fique atento de que terá que pagar um valor extra caso ultrapasse o faturamento mensal acordado.

Maquininhas de cartão como alternativa

A alternativa que está sendo considerada como a melhor para pessoas físicas são as maquininhas ou leitores de cartão que funcionam com ou sem celular (estas últimas, funcionam via chip próprio de fábrica).

SumUp Top com cartão

SumUp Top é barata e tem melhor taxa de parcelamento

Em poucas palavras, é muito mais fácil para um empreendedor pessoa física conseguir receber cartão de crédito ou de débito com uma maquininha de cartão, por estas serem mais simples de adquirir.

Você não precisa parar para analisar o seu faturamento para decidir qual plano é mais barato para você, como acontece com as máquinas tradicionais, pois tudo é mais fácil de entender.

Veja a seguir outras razões pelas quais essas alternativas estão ficando cada vez mais populares entre pessoas físicas:

  • Não é preciso assinar contrato

  • Máquina é comprada, e não alugada, e por um preço acessível

  • Não cobram aluguel, ou outra taxa fixa – ótimo para quem só usa a máquina de vez em quando ou não quer ter custo fixo, pois não sabe quanto irá faturar a cada mês

  • Todas as taxas são transparentes e simples – você sabe de antemão quanto vai gastar

  • Taxas são tão boas quanto, ou até melhores que alguns planos das máquinas tradicionais

  • Antecipam os saldos das vendas sem a necessidade de ligar para suporte, o que torna tudo mais prático e rápido

  • São pequenas, leves, fáceis de carregar para usar quando e se precisar

  • Aceitam os principais cartões de crédito e débito do mercado – muitas também aceitam vale-refeição

  • Algumas contam com apps que criam uma frente de caixa gratuita para você, como o Maquinão iZettle e muitas das soluções PagSeguro

Mas, é verdade que o número de marcas disponíveis é muito grande atualmente. E nem todas contam com muitos cartões, e algumas taxas são mais acessíveis que outras. Assim, é aconselhável que você avalie as opções em maquininhas para celular  para verificar qual delas atende às suas necessidades e às de seus clientes. Observe, especialmente o tipo de conexão, o preço da máquina, taxas e bandeiras incluídas.

O Veredicto

Enquanto pessoa física, você poderá adquirir tanto uma máquina de cartão tradicional quanto uma maquininha alternativa. Há poucas diferenças no cadastro e você conseguirá passar por elas – a não ser que o seu nome esteja sujo na praça, caso em que talvez você não seja aprovado pelas empresas tradicionais.

A grande questão aqui é o quão em controle você está das suas finanças. Você fatura regularmente todo mês? Consegue absorver mais um custo fixo? Está preparado para assinar contrato?

Essas respostas costumam ser negativas entre boa parte das pessoas físicas, e é por isso que as maquininhas costumam ser a melhor opção. Mas se você está na informalidade por opção, uma solução tradicional poderá também funcionar para você.

Prefere saber mais sobre as maquininhas que funcionam sem celular? Então leia este artigo aqui