Em busca de um cartão de crédito empresarial? Muitos empreendedores ficam em dúvida na hora de solicitar esse tipo de cartão, pois não sabem o quanto de burocracia irão enfrentar e os custos envolvidos.

Se essa é a sua dúvida, veja a seguir qual a documentação solicitada e quais os requisitos específicos das principais instituições financeiras que oferecem cartão de crédito pessoa jurídica.

Prepare-se para a papelada

Para solicitar seu cartão de crédito empresarial, você terá que apresentar uma série de documentos da empresa para aprovação e análise. Normalmente, os documentos exigidos são os listados abaixo:

  • Registro de firma individual

  • Contrato Social e/ou Contrato Social consolidado ou estatuto

  • Declaração simplificada ou DIPJ

  • Demonstrativo dos débitos consolidados e extrato da conta REFIS do último exercício (caso se enquadre)

  • Imposto de Renda de Pessoa Física dos sócios

  • RG e CPF dos sócios e dirigentes

  • Comprovante de residência dos sócios e dirigentes

  • Certidão Conjunta de Débitos, Relativos a Tributos Federais

  • Certidão de Dívida Ativa da União ou mesmo de Certidão Conjunta Positiva, com Efeitos de Negativa de Débitos relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União

  • CND – Certidão Negativa de Débito (Previdenciária), expedida pela Secretaria da Receita Federal

  • Certificado de Regularidade do FGTS

É importante ressaltar que pessoas com restrições financeiras (nome sujo) não podem solicitar um cartão de crédito pessoa jurídica.

Se você está negativado e está buscando por um cartão de crédito como forma de financiamento, veja aqui outras opções de empréstimo para quem tem o nome sujo.

Veja agora como esse processo acontece entre as principais instituições financeiras.

Cartão BNDES

A solicitação do cartão BNDES pode ser feita online. Basta clicar em “Solicite seu Cartão BNDES”, preencher as informações de sua empresa e escolher o banco emissor. Depois, é preciso apresentar a documentação solicitada pessoalmente em uma agência.

Cartão BNDES

Cartão BNDES oferece a opção de obtenção de empréstimo

Diferente de outros bancos, o BNDES não emite seu próprio cartão pessoa jurídica.

As suas opções de banco emissor serão Santander e Banrisul para bandeira Visa; Caixa para Mastercard; Bradesco para Elo; ou Sicredi, Siccob, Banestes e BRDE para Cabal.

É o banco emissor quem cuida da aprovação de crédito.

O cartão BNDES oferece crédito rotativo pré-aprovado, além de financiamento automático em até 48 meses com e prestações fixas e iguais. Este cartão de crédito para pessoa jurídica funciona como uma forma de obter empréstimo, com a vantagem dos juros praticados por ele serem menores que o de outros cartões.

Ourocard Empresarial Banco do Brasil

Se o que você quer é um cartão de crédito empresarial do Banco do Brasil, saiba que terá que ir até uma agência para solicitar o seu. Há duas opções de bandeiras: Visa e Elo. E as taxas variam de acordo com o relacionamento com o banco.

Ourocard Platinum do Banco do Brasil

Com o Ourocard, você financia suas compras

O Ourocard Empresarial permite o financiamento do pagamento de contas em até 24 vezes e tem um programa de pontos – as compras feitas com o cartão podem ser “trocadas” por desconto na fatura.

A anuidade, que tem carência de seis meses, também pode ser descontada de acordo com o uso do cartão.

Cartão de crédito Banco Inter

A Conta Digital PJ do banco Inter oferece a opção de solicitar um cartão de crédito pessoa jurídica. Por ser este um banco digital, você pode fazer o pedido online. A bandeira é Mastercard.

No entanto, este chega até você com a função débito habilitada e você precisa passar por análise para que a função crédito seja liberada. Por outro lado, ele vem com as vantagens de um banco digital, como taxas mínimas ou inexistentes – entenda isso melhor na nossa análise do banco Inter.

Cartão Empresarial Itaú

O Itaú conta com uma grande variedade de cartões empresariais que vão desde cartões simples para compras ou para controle individual até mesmo cartões exclusivos para despesas com viagens.

Itaucard Business, bandeira Mastercard

Itaucard Business dá acesso a descontos exclusivos

Para micro e pequenas empresas, a opção é o Itaucard Business, o qual tem duas opções de bandeiras: Visa ou Mastercard. A solicitação é presencial.

Em qualquer caso, é possível aderir a um programa de pontos, contar com descontos exclusivos, usar o portal Itaú Empresas ou o app Itaucard para gerenciar seus gastos.

Caixa Empresarial

Você terá que se dirigir até uma agência para solicitar seu cartão de crédito Caixa Empresarial. Este cartão tem opção de três bandeiras: Visa, Elo e Mastercard, e cada uma delas oferece vantagens específicas para seus usuários.

Você poderá selecionar diferentes limites de crédito mensal para cada cartão da sua empresa e optar por parcelamento em até 48 vezes com juros, recebimento de mensagens de segurança. Também é possível fazer transações por SMS (mensagem de texto) e contar com o app Cartões Caixa para gerenciar as compras realizadas.

Santander Negócios & Empresas

Os cartões empresariais do banco Santander são denominados Negócios & Empresas, podendo ser comum ou platinum. Você irá solicitá-lo na agência e este será de bandeira Mastercard.

É possível obter um desconto de até 100% da anuidade com base nos gastos feitos com o cartão. Esse cartão também oferece um programa de pontos que podem ser trocados por produtos, serviços e viagens, além de seguro de viagem e serviço de concierge.

Cartão de crédito PagBank

A conta digital PagBank oferece um cartão de crédito que pode ser usado por pessoa jurídica.

Cartão PagBank com fundo amarelo

Cartão PagBank é gratuito e sem anuidade

Porém, este está disponível apenas para clientes selecionados por enquanto – saiba mais sobre o PagBank.

Mas não é preciso ter uma máquina PagSeguro para obtê-lo.

A sua bandeira é Visa, e ele é gratuito sem anuidade, além de contar com descontos e benefícios exclusivos.

Atenção ao custo do cartão de crédito pessoa jurídica

Assim como o cartão de crédito destinado a pessoas físicas, o cartão de crédito para empresas funciona em ciclo mensal. Caso a empresa não pague a fatura do mês em sua totalidade, juros são gerados para o ciclo seguinte.

Mesmo obtendo juros mais baixos no cartão corporativo, os cartões de crédito ainda possuem uma das taxas de juros mais altas do mercado. Por isso, é importante manter o uso do cartão da empresa para compras relevantes e acompanhar de perto os gastos feitos, para não criar um débito impossível de pagar.

Será melhor usar um cartão pré-pago?

Caso a burocracia ou a análise de crédito sejam um desafio para você, uma opção é separar as compras e saques de seu negócio com um cartão pré-pago. Trata-se de um cartão recarregável para controle dos seus gastos oferecidos por diversos aplicativos de pagamentos e maquininhas de cartão.

A vantagem dele é o baixo custo, pois geralmente você só paga pelos saques feitos em caixas eletrônicos. Por outro lado, esse não se trata de um cartão de crédito real. Você não ganha um limite de crédito, apenas usa o saldo que você depositou previamente no cartão.

Conheça os cartões pré-pago das máquinas de cartão.